Donos da verdade

por Furoa

Apenas neste domingo, eu andei em cinco ônibus e grande parte dos passageiros estava falando sobre Deus e segurando Bíblias. Como está escrito na página sobre, cerca de 87% dos brasileiros são cristãos. É muita gente!

Mas o problema não é que todo esse monte de gente seja cristã, o problema é que os cristãos não vivem como Jesus viveu. Os cristãos, em geral, têm a mania de se acharem os donos da verdade. Dizem que só a opinião deles está certa e que quem vive de outro jeito ou vê a Bíblia com outros olhos vai para o Inferno. Esse tipo de pensamento nos separa e nos atrapalha de descobrir o significado de nossas vidas.

“Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros”

— João 13:35

Creio que não dá para definir exatamente como a vida deve ser vivida, mas certa vez Jesus disse:

“Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todas as suas forças e de todo o seu entendimento e ame o seu próximo como a si mesmo”

— Lucas 10:27

Quando Jesus fala que devemos amar o próximo, ele não está falando de amar apenas nossos amigos, parentes ou os “irmãos da igreja”, mas sim de amar todo mundo. Uma vez perguntaram para Jesus quem nós devemos amar e então ele contou a famosa parábola do bom samaritano, mostrando que deveríamos amar até aqueles que têm uma fé diferente da nossa e até mesmo os nossos inimigos (Lucas 10:25-37, Mateus 5:44). Esse ensinamento de Jesus é o melhor guia para a vida, é um resumo de como viver bem consigo mesmo, com os outros e com Deus. Além disso, esse ensinamento mostra que quem acha que está sempre certo, não vive bem, porque mostra que todo ser humano precisa viver junto com outros seres humanos e quando não admitimos que somos falhos, não conseguimos viver com os outros.

Espero que esse texto te faça refletir. Achar que somos os donos da verdade nos atrapalha de ter uma vida plena. Jesus nos ensinou a viver em união e a amar a todos. Que eu e você possamos seguir o exemplo dele!

Anúncios